Take a fresh look at your lifestyle.

Ele trabalhou na roça e morou na escola, mas não desistiu. Hoje é um juiz de sucesso!

16

O juiz Fábio Francisco Esteves enfrentou grandes dificuldades para conseguir estudar, mas sua persistência o levou a realizar o seu maior sonho. Grande exemplo para todos nós!

Para muitas pessoas, a educação ainda é um privilégio, elas passam por dificuldades e enfrentam grandes problemas para conseguir uma vida digna e bem-sucedida através do estudo.

Uma dessas pessoas é o juiz Fábio Francisco Esteves, do Tribunal do Júri do Distrito Federal. Formado em 2003 e tendo assumido a magistratura em 2007, ele venceu muitos obstáculos desde a infância para alcançar a posição que sempre desejou.

Fábio nasceu no interior de Mato Grosso do Sul e lá viveu grande parte de sua vida. De família humilde, filho de dona de casa e pai analfabeto, o estudo sempre foi uma luta diária. Logo na infância, ele enfrentava a dificuldade de não haver escola na zona rural, onde vivia.

No entanto, depois de um apelo de seu pai à prefeitura, uma escola foi construída para que os jovens tivessem acesso à educação, mas ela ficava a 23 quilômetros de distância, uma grande dificuldade para a família.

Para não perder as aulas, Fábio passou a morar de favor na escola. Cuidado pelos professores, ele dormia na sala de aula. Desde essa época, já acalentava o sonho de ser juiz.

Esse sonho veio de um manual de profissões. Ao G1, o juiz contou que nunca tentou a advocacia, sempre desejou a magistratura. Ele queria seguir a profissão porque lhe permitiria realmente fazer a diferença na sociedade, melhorar a própria vida e a das pessoas ao seu redor.

Mesmo com todas as dificuldades que enfrentava diariamente, nunca abriu mão de estudar e batalhar por uma realidade melhor, e todo o seu esforço foi recompensado quando se tornou a primeira pessoa de sua família a entrar no ensino superior e concluí-lo.

Em 2003, Fábio formou-se na Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS) e, em 2007, assumiu o cargo de juiz substituto no Distrito Federal. Atualmente, é juiz titular e, em dezembro de 2019, tomou posse como vice-presidente da maior associação de juízes do mundo, a Associação de Magistrados Brasileiros (AMB), com a missão de conduzir os trabalhos de proteção dos direitos humanos.

A história de vida desse juiz é realmente inspiradora, e uma das coisas mais interessantes sobre ele é que não desistiu do sonho de ajudar pessoas que enfrentam a mesma condição dele anos atrás.

Fábio sempre participou de projetos sociais, mas agora pode explorar ainda mais maneiras de oferecer oportunidades aos menos favorecidos. Ele está à frente de um projeto chamado “Educação em Direito”, que oferece gratuitamente noções de direito e cidadania a pessoas de baixa renda na cidade de Brasília. Alguns dos temas abordados no projeto, que começou com o apoio de uma amiga, são direito do consumidor, direito à saúde, à educação e à privacidade.

No último mês, o juiz completou 13 anos de magistratura e, com alegria, mostrou o seu compromisso em continuar promovendo a igualdade através da justiça.

Fábio é um grande exemplo do poder da educação, pois através dela pôde alcançar seu sonho, viver dignamente e ajudar outras pessoas a também buscar os próprios objetivos.

Um verdadeiro exemplo para todos nós!

Compartilhe esta história inspiradora em suas redes sociais!

 

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos. Direitos autorais das imagens utilizadas no texto: reprodução Facebook/Fábio Francisco Esteves.

O post Ele trabalhou na roça e morou na escola, mas não desistiu. Hoje é um juiz de sucesso! apareceu primeiro em O Segredo.

Comentários estão fechados.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More

Privacy & Cookies Policy