Take a fresh look at your lifestyle.

Fofura: bebê zebra que perdeu a mãe é consolado por cuidador que usa roupa listrada

28

Vestir-se de zebra foi a única forma que os funcionários encontraram para conseguir cuidar e alimentar o filhote que escapou de um ataque de leões.

A lei da selva é implacável para muitos animais. O pequeno Diria, por exemplo, sabe bem disso. Esse filhote de zebra ficou órfão – sua mãe foi morta por uma manada de leões. O filhotinho só conseguiu escapar porque saiu correndo em direção a um rebanho de cabras que passava próximo ao local.

Mas não foi só o seu instinto que garantiu a sua sobrevivência, ele também contou com a ajuda de outros anjos. Pastores que conduziam o rebanho de cabras se assustaram ao encontrar a zebra em meio aos animais e decidiram levá-la para sua propriedade, onde fosse alimentada com leite de cabras.

Mas como eles sabiam que não tinham as condições ideais para manter o bichinho, decidiram levá-lo a uma das unidades do Sheldrick Wildlife Trust, no Quênia. A instituição cuida de animais que perderam a mãe para outros predadores da natureza ou até mesmo caçadores.

No entanto, como Diria ainda não havia tido nenhum contato com seres humanos, os servidores do acampamento se viram diante de um desafio.

Eles tiveram de encontrar uma alternativa para que a vivência do animal não se tornasse traumática, e se vestiram de zebra para conseguir alimentá-lo.

Em uma postagem no Facebook, o Sheldrick Wildlife Trust explicou que os potros de zebra memorizam o padrão de listras de sua mãe. Como a roupa é muito semelhante à dos animais adultos, ficou mais fácil para que a memória afetiva de Diria despertasse e assim aceitasse ser alimentado e cuidado com mais frequência. O resultado dessa iniciativa simples, mas muito efetiva, resultou em imagens belas e superfofas.

Nas fotos, um funcionário do centro de cuidados aparece usando um avental com listras idênticas às das zebras que vivem livres na natureza.

Dessa forma, ele conseguiu se aproximar para dar mamadeira ao animal como também fazer carinho e escová-lo.

Ainda conforme o Sheldrick Wildlife, Diria é extremamente carinhoso com todos os seus cuidadores e está se recuperando bem da experiência a que sobreviveu.

A expectativa é que o animal receba os cuidados no Sheldrick Wildlife até chegar à fase adulta. A partir de então, estará pronto para ser reinserido na natureza.

Instituições como essas são fundamentais para manter o ciclo de vida dos animais que, de alguma forma, se viram sozinhos na natureza.

Muito dificilmente Diria conseguiria sobreviver não fosse a intervenção das almas bondosas como as que se sensibilizaram com a sua situação.

Que fofo não, é mesmo?

Deixe o seu comentário e compartilhe em suas redes sociais.

 

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos. Direitos autorais da imagem de capa: Sheldrick Wildlife. Direitos autorais da imagem 2: Sheldrick Wildlife Trust/reprodução Facebook.

O post Fofura: bebê zebra que perdeu a mãe é consolado por cuidador que usa roupa listrada apareceu primeiro em O Segredo.

Comentários estão fechados.

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More

Privacy & Cookies Policy